sexta-feira, outubro 08, 2004

Prefiro as Pastilhas

Sentado num café, na vetusta vila de Sortelha, aguardava o meu "mojito". Entretanto, um ancião enrolava um charuto que não tinha só folhas de tabaco. Ele mirava-me de soslaio. Fingi que não o vi, ou melhor, fiz de conta que não percebi o que aquelas nodosas mãos faziam.

Momentos antes, um autocarro fretado pelo lar "Mayores de Nueva Roda de Alicante" avariara na A23. A pé, fartos de esperar pela reparação, um bando de 7 almas chegara ao café onde ainda esperava o "mojito". Uma senhora idosa, de manga cava, vinha no grupo e apresentava, com a marca nicorette, um adesivo de nicotina no braço direito, quase no ombro. Deve ser canhota, pensei. E perguntei-lhe pelos sucessos da panaceia, respondeu-me em espanhol, Com a placa não dá para comer as pastilhas. Compreendi e, cúmplice, dei-lhe o meu "mojito" que entretanto chegara. Adivinhou o que eu lhe perguntaria de seguida! Ainda assim, disse-lhe no meu melhor castelhano, Cara amiga, comigo, as pastilhas foram tiro e queda. Eu, como ela, prefiro as pastilhas de nicotina aos adesivos. Pedi outro "mojito" para mim e a Dona Escolástica, dona do estabelecimento, lá teve de sair novamente para apanhar outro punhado de hortelã.

5 comentários:

Anónimo disse...

Acabaram a cantar uma modinha Cubana ao desafio, com o ancião a querer partilhar o seu charuto especial?

Nónio disse...

http://nonioblog.blogspot.com Vejam Aberto o Post a Jorge Sampaio

GoG disse...

Para completar o quadro, só falta mesmo o John Lee Hooker a cantar "Got my mojo working"

Anónimo disse...

Pareceu-me ver aqui recentemente um post do meu caro primo que, em registo algo desconsolado, lembrava com saudade a voz de um determinado ex-comentador político...

Já terá a censura chegado ao Meia Livraria? ou terá sido a auto-censura...?

Fico-me

Zé @ http://www.anexo-design.com/log

Cláudio disse...

Autocensura! LOL! A única legítima!