quinta-feira, abril 14, 2005

Filósofos e Sapateiros

Enquanto o Presidente passeiava pela França, o nosso Primeiro-Ministro visitava o irmão Sapateiro. Se o meu amigo não se importasse, ajudava-me a despachar o Guterres para a ONU, e, já agora, lembrava-se de nós para umas negociatas, terá dito Sócrates ao seu homólogo. Concerteza, terá respondido o Sapateiro, é evidente que o ajudo a mandar o Guterres para a ONU e, já agora, não me quer ajudar a mandar o Gonçalves para ajudante de campo do Hugo Chaves?

Sem comentários: