segunda-feira, março 26, 2007

O Baltazar

O povo português telemovilizado votou e disse: o melhor português de sempre foi o Baltazar ou Salazar, ou lá como se chama! Por eso, y perdonen mi malo castellano, en el Media Libreria se hablará lo idioma de Cervantes. No voy a hablar lo de Baltazar!!!

sexta-feira, março 23, 2007

Ajuda

Dois dias depois de ter escrito o artigo do boné reli-o. E pensei: talvez precise de ajuda especializada... Usem lá o boné, rapazes!

quarta-feira, março 21, 2007

O Boné

Antes, apenas os trolhas, em especial estucadores, usavam habitualmente o boné. Hoje, meus amigos, Portugal é um país infestado: dir-se-á que temos um país cheio de Patos Donais!

O que pensará essa malta? Será que gostam daquele ar de cabecinha redonda, do bico de pato, do aspecto com que o cabelinho gorduroso fica quando finalmente tiram o boné: colado ao crâneo!? Será por julgarem fino que entram, e ficam, em locais fechados com o estúpido boné enfiado? Inexplicável! Talvez lhes dê gozo... mas, sinceramente, preferia que tirassem os sapatos... ou que enfiassem o dedo no nariz.

Ainda mais cretino que o uso massivo do boné num país de eterna Primavera (que aproveito para saudar) é o que neles habitualmente se inscreve: SIC, Planta, Morangos com Açúcar, Floribela, Correio da Manhã... Anda um tipo pela rua com um boné a dizer SIC?? Floribela?

O cenário é digno do imaginário Disney... milhões de patos donais e de patetas!

sexta-feira, março 02, 2007

OPA Blindada, Berlindada, Belindada?

Pelas rádios e televisões só se fala da OPA do Belmiro à PT. Belmiro é aquele senhor com ar de irmão Dalton e nome de pugilista do tempo da outra senhora. Do tempo desta, português, lembro-me apenas de Fernando Fernandes, pugilista que também socava com os pés. Lembro-me dele porque ele "jogava" no Sporting e porque tem um nome elegante. Mas voltemos à OPA.

Imagino os meus concidadãos, vendo a televisão, preocupados com a OPA. Imagino-os, junto à máquina do café, falando de berlindagens e desbelindagens. "O gajo compra a PT se a OPRA estiver desberlindada!", parece-me ouvir o Correia dizer. O Lopes, que compra o "Jornal de Negócios " desde os tempos em que o "Diário Económico" era à borla, chilreia do alto do seu muito saber: "Não é a OPA que é desbelindada: são os ex-tatutos! É claro que o Belmiro não pode comprar uma firma com ex-tatutos belindados. Vê-se logo que não lês o JN. Só lês a Bola!"

A menina Arlete, que ouvira a conversa aos bocados, ainda comentou: "Eu adoro a OPRA, ela já passou por muita coisa na vida e é uma mulher que eu admiro!"